Versión para imprimir

21 de julio | | | | |

Rumo à Jornada Continental

Marcha Mundial das Mulheres no lançamento da jornada pela democracia e contra o neoliberalismo

Descargar: MP3 (6.3 MB)

A Jornada Continental pela Democracia e contra o Neoliberalismo, que acontecerá no dia 4 de novembro deste ano não marca um início, trata-se de “um reimpulso de um processo que a gente já vem construindo (...), um processo de formação, mobilização e construção a partir dos locais em que a gente está, a partir do que nos une e contra esse projeto de dominação capitalista, imperialista, racista e patriarcal que segue no nosso continente”.

Foi o que disse a militante da Marcha Mundial das Mulheres Brasil, Tica Moreno, no lançamento da Jornada Continental pela Democracia e contra o Neoliberalismo, no dia 8 de julho em São Paulo. Sobre essa ação, Tica afirmou: “É uma Jornada que vem a fortalecer as lutas nos territórios para que possamos integrar todas as lutas que estão acontecendo em todo nosso continente”.

A Jornada Continental surgiu como proposta de luta articulada durante o Encontro Hemisférico na Havana, capital de Cuba, em novembro de 2015, a 10 anos da derrota da Área de Livre Comércio das Américas (ALCA). As organizações, movimentos e articulações que convocam atualmente a Jornada são: Confederação Sindical de Trabalhadores/as das Américas (CSA), Coordenadora Latinoamericana de Organizações do Campo (CLOC-Via Campesina), Marcha Mundial das Mulheres, Amigos da Terra América Latina e Caribe (ATALC), ALBA Movimentos, Centro Martin Luther King, Capítulo Cubano da ALBA Movimentos, Jubileu Sul/ Américas, Internacional de Serviços Públicos, PIT–CNT do Uruguai, Campanha para Desmantelar o Poder das Transnacionais.

Ouça a intervenção completa no arquivo anexo

Imagen: Equipe de Comunicação da Jornada Continental.

(CC) 2016 Radio Mundo Real 10 años

Mensajes

¿Quién es usted?
Su mensaje

Este formulario acepta atajos SPIP [->url] {{negrita}} {cursiva} <quote> <code> código HTML <q> <del> <ins>. Para separar párrafos, simplemente deje líneas vacías.

Cerrar

Radio Mundo Real 2003 - 2016 Todo el material aquí publicado está bajo una licencia Creative Commons (Atribución - Compartir igual). El sitio está realizado con Spip, software libre especializado en publicaciones web... y hecho con cariño.